logo_smart
iconefaceiconeutubeinonelinkedin iconeflickr
 
 
 
Categorias: Tecnologia e Inovação.
FacebookTwitterWhatsAppLinkedInCopy LinkPrintShare

 

iot_hero_1920x720-800x550

A publicação do edital da 4ª Chamada Coordenada BR-UE em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) está prevista para dezembro deste ano.

Serão até 8 milhões de euros (aproximadamente 29 milhões de reais) para apoiar projetos conjuntos de pesquisa e desenvolvimento. Os interessados em submeter trabalhos já podem começar a se preparar com a formulação das propostas e formação de consórcios. Os projetos devem ter duração máxima de três anos e estarão divididos em três temas. Para Computação em Nuvem serão ofertados € 2,5 milhões, para projetos-piloto de Internet das Coisas (IoT) serão disponibilizados até € 4,5 milhões e € 1 milhão para pesquisas em 5G.

A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) e o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) são os coordenadores locais do fomento.

De acordo com Wanderson Paim, coordenador de projetos da RNP, a cooperação internacional está se consolidando como um mecanismo de fomento à pesquisa, desenvolvimento e inovação no país. “A parceria com a União Europeia vai incentivar a geração de novas parceiras e a troca de informações entre pesquisadores e empresas interessadas na vanguarda do avanço tecnológico”, afirma.

Serão considerados elegíveis apenas centros de pesquisa, entidades brasileiras de ensino e empresas incubadas por instituições credenciadas pelo Comitê da Área de Tecnologia da Informação (Cati). O financiamento de empresas é um grande diferencial em relação aos editais anteriores, mesmo que ainda esteja restrito ao credenciamento no Cati. Os projetos poderão prever até 10% do valor para custeio de taxas administrativas. A expectativa é que os selecionados sejam divulgados em agosto de 2017 e a execução dos projetos comece em janeiro de 2018.

As chamadas coordenadas BR-UE aplicarão, até a quarta edição, 25 milhões de euros em 20 projetos. Diante dos resultados satisfatórios – avaliados assim pela Comissão Europeia e governo brasileiro – já se iniciam as negociações para uma quinta chamada.

Mais informações e inscrições ao programa podem ser feitas no site https://www.rnp.br/

Por Assessoria de Comunicação da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP)
 
 

Parceria com União Europeia oferece R$ 29 milhões para pesquisas em IoT, Nuvem e 5G

FacebookTwitterWhatsAppLinkedInCopy LinkPrintShare

 

iot_hero_1920x720-800x550

A publicação do edital da 4ª Chamada Coordenada BR-UE em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) está prevista para dezembro deste ano.

Serão até 8 milhões de euros (aproximadamente 29 milhões de reais) para apoiar projetos conjuntos de pesquisa e desenvolvimento. Os interessados em submeter trabalhos já podem começar a se preparar com a formulação das propostas e formação de consórcios. Os projetos devem ter duração máxima de três anos e estarão divididos em três temas. Para Computação em Nuvem serão ofertados € 2,5 milhões, para projetos-piloto de Internet das Coisas (IoT) serão disponibilizados até € 4,5 milhões e € 1 milhão para pesquisas em 5G.

A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) e o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) são os coordenadores locais do fomento.

De acordo com Wanderson Paim, coordenador de projetos da RNP, a cooperação internacional está se consolidando como um mecanismo de fomento à pesquisa, desenvolvimento e inovação no país. “A parceria com a União Europeia vai incentivar a geração de novas parceiras e a troca de informações entre pesquisadores e empresas interessadas na vanguarda do avanço tecnológico”, afirma.

Serão considerados elegíveis apenas centros de pesquisa, entidades brasileiras de ensino e empresas incubadas por instituições credenciadas pelo Comitê da Área de Tecnologia da Informação (Cati). O financiamento de empresas é um grande diferencial em relação aos editais anteriores, mesmo que ainda esteja restrito ao credenciamento no Cati. Os projetos poderão prever até 10% do valor para custeio de taxas administrativas. A expectativa é que os selecionados sejam divulgados em agosto de 2017 e a execução dos projetos comece em janeiro de 2018.

As chamadas coordenadas BR-UE aplicarão, até a quarta edição, 25 milhões de euros em 20 projetos. Diante dos resultados satisfatórios – avaliados assim pela Comissão Europeia e governo brasileiro – já se iniciam as negociações para uma quinta chamada.

Mais informações e inscrições ao programa podem ser feitas no site https://www.rnp.br/

Por Assessoria de Comunicação da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP)
Categorias: Tecnologia e Inovação.
 

Leia também